Um jornal de boas notícias.

Resolvemos subverter a essência do jornalismo tradicional que aponta os erros da nossa sociedade, criando um periódico que trouxesse sempre boas notícias sem perder o senso crítico, essencial a qualquer veículo que se preze.

Clique aqui e conheça-nos

Edição 183 - Abril/21

AQUI e
tudo sobre nossos patrocinadores:

Cidadania em tempos de Covid

Que a pandemia tomou proporções inimagináveis, ninguém mais duvida. E com ela, qual um arrastão, aumentaram as mazelas das comunidades mais carentes e também dos sistemas públicos de saúde, especialmente dos municípios. Diante desse cenário comparável a uma guerra, quer pelo número cotidiano de óbitos e enfermos, quer pela carestia de itens básicos, as comunidades estão se organizando e tratando de tentar minimizar a situação dos menos favorecidos, afinal, nem mesmo o auxílio emergencial começou a ser pago em 2021 aos milhões de brasileiros em situação de pobreza, como a fosse possível às pessoas ter um intervalo tão grande de falta de recursos para sobreviver. Vejam algumas ações que vêm sendo tomadas. Quem sabe você pode ajudar a criar ações semelhantes onde vive.

 

Cestas Básicas – Está cada vez mais comum a ação entre amigos e até reunindo várias empresas para providenciar cestas básicas de modo a auxiliar famílias carentes. Em Avaré, a prefeitura, através da Secretaria de Assistência Social, assumiu a tarefa de distribuir alimentos para a população que mais necessita. Algo muito positivo, pois centralizar as doações para uma unidade assistencial pública permite que se mapeie as famílias de maneira mais abrangente e completa, contemplando a todos.

A campanha “Adote uma Família” foi lançada agora e é bastante simples: os interessados em contribuir podem deixar as cestas e também leite na sede do Fundo Social durante a semana e a secretaria repassa às famílias cadastradas no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e no Bolsa-Família. Uma ação simples que permite que todos sejam contemplados e não apenas pessoas de um bairro ou região da cidade.

 

Capacetes Elmo – Outra ação que merece destaque tem origem em Ourinhos e também acontece em Santa Cruz do Rio Pardo. Empresários das duas cidades resolveram se unir e providenciaram a compra de equipamentos para o tratamento de pessoas internadas com Covid. As Santa Casas dos dois municípios já estão trabalhando com os chamados “capacetes elmo”, dispositivo criado por cientistas do Ceará que oferece oxigênio em alto fluxo para o paciente com dificuldade de  oxigenação, sendo indicado para casos leves, moderados e, ainda para adiar a intubação de pacientes com quadro evolutivo da doença. Outra vantagem é que o dispositivo evita a contaminação do ambiente, aumentando a segurança da equipe de saúde no tratamento aos pacientes.

Conscientização – Diante do aumento alarmante de casos e óbitos e da resistência de muitos ao uso adequa-do da máscara, também estão sendo feitas campanhas de conscientização a respeito desse acessório  simples e eficaz para combater a epidemia. A campanha “Depende de Nós!”, lançada por este jornal, consiste da distribuição de cartazes mostrando a importância do uso de máscaras e a facilidade dessa atitude, trazendo cidadãos de todas as idades usando, cada qual, a sua máscara. O cartaz da fae 1 da campanha saiu encartado na edição de março do jornal, num total de três mil cartazes distribuídos em 24 municípios e pontos rodo-viários da região.

Posteriormente, com o apoio da empresa Special Dog, foram produzidos mais mil cartazes, distribuídos em Santa Cruz, Franca e Ourinhos. A partir do dia 22 de abril, mais 3 mil cartazes da fase 2 da campanha chegaram às cidades da região, desta vez, acompanhando os lotes de jornais que seguem para os pontos de distribuição, formados predominantemente por supermercados. A ação fase dois tem o apoio da empresa São João Alimentos, das marcas Pateko e Empório São João. Em Santa Cruz, a campanha teve apoio da prefeitura Municipal que autorizou a colagem do cartaz em postes e pontos de ônibus para maior visibilidade.

 

Info: Campanhas em Andamento

 “Adote uma Família de Avaré” – 14 3731-2658.